António Luís Alves Ribeiro Oliveira, dit António Oliveira, né le 10 juin 1952 à Penafiel, est un joueur international, entraîneur et dirigeant de football portugais. Il est le sélectionneur de l'équipe du Portugal lors de l'Euro 1996 et de la Coupe du monde 2002.

PropertyValue
dbpedia-owl:abstract
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira, dit António Oliveira, né le 10 juin 1952 à Penafiel, est un joueur international, entraîneur et dirigeant de football portugais. Il est le sélectionneur de l'équipe du Portugal lors de l'Euro 1996 et de la Coupe du monde 2002. Il est aussi président du FC Penafiel de 2003 à 2006.En 2010, il devient le quatrième actionnaire individuel de la banque portugaise Finibanco avec 5 % des actions, depuis 2009, il fait partie du conseil d'administration.
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira (ur. 10 czerwca 1952 roku w Penafiel) – były portugalski piłkarz występujący na pozycji pomocnika oraz trener.
  • António Oliveira (10 de Junho de 1952, Penafiel) foi treinador da Selecção Portuguesa de Futebol entre 1994-1996 e 2000-2002. Foi presidente do FC Penafiel,durante três épocas, tendo abandonado por vontade própria a liderança do Clube em 2006, sendo substituído por uma Comissão Administrativa composta por 13 elementos, coordenada pelo Dr. Alberto Clemente de Melo e Sousa.Aos 15 anos começou a jogar futebol federado integrado nas camadas jovens do FC Porto. Ainda com idade de júnior, aos 17 anos, passou a treinar com a equipa principal dos portistas por iniciativa do treinador brasileiro Paulo Amaral.Oliveira, que jogava na posição de médio-ofensivo, assumiu-se como uma das estrelas da equipa que, entretanto, passou a ser treinada por José Maria Pedroto. Na temporada 77/1978, o FC Porto conquistou o título nacional depois de ter estado 19 anos sem qualquer triunfo. Nessa época Oliveira entrou em todos os jogos e marcou 19 golos. Aos 26 anos era já um futebolista conceituado na Europa e foi contratado no Verão de 1978 pelo Bétis de Sevilha, de Espanha. Mas a experiência no campeonato espanhol não correu bem e regressou ao FC Porto no início de 1979. De salientar, a caricata história que o envolveu, no regresso de Espanha, quando jogava no Bétis, ter sido detido pela Guardia Civil junto à fronteira com Portugal, devido ao facto de deter na sua posse uma mala de notas falsas, história essa, que viria a ser desmentida pelo próprio e pelos Órgãos de Comunicação Social, não tendo a mesma passado de um "boato" sem qualquer fundamento. Ainda assim, participou na conquista de novo título por parte do clube das Antas.No Verão de 1980 uma luta de poderes dentro do FC Porto entre Pinto da Costa e o então presidente Américo Sá provocou uma grande instabilidade no clube. Oliveira, saturado com a situação, deixou as Antas e ingressou no FC Penafiel, a equipa da sua terra natal. No Penafiel teve a sua primeira experiência como treinador, função que acumulou com a de jogador. Mas esteve pouco tempo neste clube pois na temporada seguinte regressou a um clube considerado dos "grandes", no caso o Sporting, onde voltou a ser apenas futebolista. Em Alvalade conquistou mais um título nacional, na temporada 81/1982. Em Setembro de 1982, já com a época em curso, assumiu as funções de treinador do Sporting, mantendo-se também como jogador, conquistou nessa época a Supertaça portuguesa.Na época 85/1986, já ao serviço da equipa madeirense Marítimo, abandonou em definitivo a carreira de jogador para a passar a ser em exclusivo treinador de futebol. Para além dos vários títulos conquistados como jogador no FC Porto e Sporting, foi internacional pela seleção portuguesa em 24 jogos. Depois de ter treinado o Marítimo em 85/1986 passou a ser o responsável pela seleção de Esperanças, à frente da qual esteve duas temporadas.Oliveira passou sucessivamente pelo Vitória de Guimarães, Académica de Coimbra, Gil Vicente e Sporting de Braga até que em 1994 foi contratado para seleccionador nacional.A sua estreia como técnico da selecção ocorreu a 1 de Setembro desse ano, em Belfast, num jogo em que Portugal ganhou 2-1 à seleção da Irlanda do Norte. Em Novembro de 1995 qualificou Portugal para o Euro 1996 de Futebol que iria ter lugar na Inglaterra. Neste torneio a selecção nacional impressionou com o seu bom futebol e chegou aos quartos-de-final, sendo eliminada pela República Checa 1-0. Oliveira, entretanto, regressa ao FC Porto, como treinador, e nas duas épocas que esteve nas Antas (96/1997 e 97/1998) conquistou os dois títulos nacionais. Ainda em 1998 ganhou a Taça de Portugal ao Sp. Braga. Mas a sua estadia nas Antas foi marcada por várias polémicas e acabou por sair do clube. Regressou então ao Bétis de Sevilha, mas ao fim de poucos dias de trabalho, desentendimentos com o presidente do clube da Andaluzia levaram-no a abandonar Sevilha ainda antes da época começar.Esteve quase dois anos sem trabalhar, mas em Agosto de 2000 voltou a orientar a selecção portuguesa, que qualificou-se para o Mundial 2002. Neste torneio, disputado na Coreia do Sul e no Japão, Portugal foi uma das grandes desilusões, eliminado pelos EUA e Coreia do Sul, o que levou ao despedimento de António Oliveira.No início da época 03/2004, Oliveira foi eleito presidente do FC Penafiel, tendo como objectivo fazer regressar o clube ao primeiro escalão do futebol português. Tendo conseguido esse objetivo logo nessa época. Na época 05/2006 a sua equipa desce de novo de divisão, abandonando a direção do clube, sendo dado pela imprensa portuguesa como um dos possíveis sucessores de Pinto da Costa no FC Porto. Terminou, o curso de Direito, no regime pós-laboral, da Universidade Católica do Porto, em Maio de 2010. O regresso de OliveiraHá muitos anos que António Oliveira tem o lugar que merece no futebol portugês e o Mundo pode dar as voltas que entender que ninguém o conseguirá excluir da galeria onde estão os melhores. Esse espaço de esplendor foi conquistado com mérito num tempo substancialmente diferente daquele em que vivemos. Sem a projeção mediática que ajuda a fabricar estrelas em poucos meses; sem máquinas de marketing que exportam qualquer bicho-careta para as melhores ligas e sem a informação a correr, como agora, à velocidade da luz.Fez papel de príncipe nas décadas de 70 e 80 mas o génio era tanto que, se fosse hoje, estaria condenado a vestir a camisola 10 de um clube de topo - em Espanha ou Itália, muito provavelmente. Mas não. Sevilha (Bétis) foi o mais longe que conseguiu ir e a expressão da sua grandeza ficou-se por Portugal e pela Seleção Nacional. O percurso de treinador, depois, fez jus ao espírito rebelde e inquieto com que a comunidade da bola sempre olhou para Oliveira. Começou de forma precoce (aos 27 anos!) e teve um final a condizer. A recusa em voltar a sentar-se nos bancos não quer dizer, contudo, que tenha morrido para o futebol. Muito longe disso.(1)(1) Nuno Farinha em, 27 de Dezembro 2010 RecordAntónio Oliveira está no top 100 da 1ª década do século XXI, segundo a Federação Internacional de História e Estatísticas do Futebol. Surge ao lado de treinadores como José Mourinho Arsène Wenger, Alex Ferguson, Fábio Capello, Guus Hiddink e Vicente Del Bosque. António Oliveira, está na 92ª posição, mesmo só estando no activo durante os três primeiros anos.
  • António Luís Alves Ribeiro de Oliveira (born 10 June 1952) is a Portuguese retired football attacking midfielder and manager.As a player, he notably represented two of the Big Three in his country, Porto and Sporting, amassing totals of 277 games and 87 first division goals between the two and also later managing the former with great success.Having also represented it as a player, Oliveira had two coaching spells with the Portuguese national team, leading it in one World Cup and one European Championship.
  • Анто́нью Луи́ш А́лвиш Рибе́йру Оливе́йра (порт. António Luís Alves Ribeiro Oliveira; родился 10 июня 1952 года в Пенафиел, Португалия) — португальский полузащитник и футбольный тренер. Как игрок выступал за два клуба большой португальской тройки: «Порту» и «Спортинг» (Лиссабон), сыграв в сумме за эти два клуба 277 игр в португальской лиге и забив 87 голов. Сыграл 24 матча за сборную Португалии и забил 7 голов. Как тренер сборной участвовал в чемпионате Европы 1996 года и чемпионате мира 2002 года.Антонью Оливейра входит в список 100 лучших тренеров XX века по версии Международной федерации футбольной истории и статистики.
  • António Luís Alvares Ribeiro Oliveira (Penafiel, 10 giugno 1952) è un allenatore di calcio ed ex calciatore portoghese.
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira (* 10. Juni 1952 in Penafiel) ist ein ehemaliger portugiesischer Fußballspieler und -trainer.
dbpedia-owl:activeYearsEndYear
  • 1986-01-01 (xsd:date)
dbpedia-owl:activeYearsStartYear
  • 1970-01-01 (xsd:date)
dbpedia-owl:birthDate
  • 1952-06-10 (xsd:date)
dbpedia-owl:birthName
  • António Oliveira
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira
dbpedia-owl:birthPlace
dbpedia-owl:nationality
dbpedia-owl:wikiPageExternalLink
dbpedia-owl:wikiPageID
  • 4954324 (xsd:integer)
dbpedia-owl:wikiPageLength
  • 87868 (xsd:integer)
dbpedia-owl:wikiPageOutDegree
  • 913 (xsd:integer)
dbpedia-owl:wikiPageRevisionID
  • 108605620 (xsd:integer)
dbpedia-owl:wikiPageWikiLink
prop-fr:carrièreEntraîneur
  • 0001-06-02 (xsd:date)
prop-fr:cont
  • x
prop-fr:dateDeNaissance
  • 1952-06-10 (xsd:date)
prop-fr:lieuDeNaissance
  • Penafiel
prop-fr:nationalité
  • Portugais
prop-fr:nom
  • António Oliveira
prop-fr:nomDeNaissance
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira
prop-fr:position
  • milieu de terrain
prop-fr:périodePro
  • 1970 (xsd:integer)
prop-fr:sel
  • oui=test
prop-fr:titre
  • Statistiques d'António Oliveira
prop-fr:wikiPageUsesTemplate
dcterms:subject
rdf:type
rdfs:comment
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira, dit António Oliveira, né le 10 juin 1952 à Penafiel, est un joueur international, entraîneur et dirigeant de football portugais. Il est le sélectionneur de l'équipe du Portugal lors de l'Euro 1996 et de la Coupe du monde 2002.
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira (ur. 10 czerwca 1952 roku w Penafiel) – były portugalski piłkarz występujący na pozycji pomocnika oraz trener.
  • António Luís Alves Ribeiro de Oliveira (born 10 June 1952) is a Portuguese retired football attacking midfielder and manager.As a player, he notably represented two of the Big Three in his country, Porto and Sporting, amassing totals of 277 games and 87 first division goals between the two and also later managing the former with great success.Having also represented it as a player, Oliveira had two coaching spells with the Portuguese national team, leading it in one World Cup and one European Championship.
  • António Luís Alvares Ribeiro Oliveira (Penafiel, 10 giugno 1952) è un allenatore di calcio ed ex calciatore portoghese.
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira (* 10. Juni 1952 in Penafiel) ist ein ehemaliger portugiesischer Fußballspieler und -trainer.
  • António Oliveira (10 de Junho de 1952, Penafiel) foi treinador da Selecção Portuguesa de Futebol entre 1994-1996 e 2000-2002. Foi presidente do FC Penafiel,durante três épocas, tendo abandonado por vontade própria a liderança do Clube em 2006, sendo substituído por uma Comissão Administrativa composta por 13 elementos, coordenada pelo Dr. Alberto Clemente de Melo e Sousa.Aos 15 anos começou a jogar futebol federado integrado nas camadas jovens do FC Porto.
  • Анто́нью Луи́ш А́лвиш Рибе́йру Оливе́йра (порт. António Luís Alves Ribeiro Oliveira; родился 10 июня 1952 года в Пенафиел, Португалия) — португальский полузащитник и футбольный тренер. Как игрок выступал за два клуба большой португальской тройки: «Порту» и «Спортинг» (Лиссабон), сыграв в сумме за эти два клуба 277 игр в португальской лиге и забив 87 голов. Сыграл 24 матча за сборную Португалии и забил 7 голов.
rdfs:label
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira
  • António Luís Alves Ribeiro Oliveira
  • António Oliveira
  • António Oliveira
  • António Oliveira
  • Оливейра, Антонью
owl:sameAs
http://www.w3.org/ns/prov#wasDerivedFrom
foaf:isPrimaryTopicOf
is dbpedia-owl:wikiPageDisambiguates of
is dbpedia-owl:wikiPageRedirects of
is dbpedia-owl:wikiPageWikiLink of
is foaf:primaryTopic of